Procurar  
  • principal
  • > notícias
  • Assessoria de Comunicação >>

    receba o informe quinzenal por e-mail >>

    eventos: programação da Fundação >>

    serviços oferecidos pela Fundação >>

    como chegar à Fundação >>

    Migrações Internacionais


    Clique na foto para ampliar

     

    No dia 17/06, a partir das 14h, será apresentado o estudo elaborado pela equipe do CEDPIR com outras sete universidades e o ACNUR intitulado Perfil Socioeconômico dos Refugiados no Brasil. Subsídios para elaboração de políticas. Será exibido também o documentário ZAATARI, com direção de Paschoal Samora. 

    O evento tem como contexto a Semana Nacional do Refugiado e acontece na sala de cursos da Fundação Casa de Rui Barbosa. A entrada é franca.
     
    Perfil Socioeconômico dos Refugiados no Brasil. Subsídios para elaboração de políticas
    Palestrantes: Antônio Tadeu de Oliveira (IBGE), Charles P. Gomes (CEDPIR), Adel Bakkour, Bárbara Fernandes, Letícia Castro e Juan Acácio.
     
    Equipe do CEDPIR junto com outras sete Universidades e o ACNUR, elaboraram o estudo intitulado: “Perfil Socioeconômico dos Refugiados no Brasil. Subsídios para elaboração de políticas". O objetivo do estudo foi elaborar uma análise sobre o perfil socioeconômico dos refugiados no Brasil, especialmente no sentido de fornecer elementos para subsídio de políticas públicas, tornando evidente o processo de integração no Brasil; possíveis choques culturais, barreiras de integração e diferentes formas de interação com a sociedade brasileira. A apresentação tem como foco as experiências, dificuldades e conclusões da realização da pesquisa no Rio de Janeiro.
     
    ZAATARI. Filme documentário. Direção de Paschoal Samora. Apresentação seguida de debate
     
    Em meio à aridez do deserto, 80 mil pessoas tentam renascer depois de serem expulsas de suas casas pela guerra. Parece ficção, mas essa é realidade em Zaatari, o enorme campo de refugiados que se tornou a terceira maior cidade da Jordânia desde a eclosão do conflito armado na vizinha Síria. 
    Através dos depoimentos de moradores locais, o documentário, revela o dia a dia do lugar e o esforço destas pessoas para superar os traumas e reconstruir suas vidas.
     
    Imprimir
    Voltar ao alto


    Veja também
    > Espectadores y lectores frente a las pantallas: políticas para escenas emergentes | Publicada em 14/04/2015
    > abril | Publicada em 08/04/2015
    > História e Culturas Urbanas | Publicada em 08/04/2015
    > Memória & Informação | Publicada em 08/04/2015
    > AMLB recebe acervo de Sebastião Uchôa | Publicada em 07/04/2015
    > Música no Museu | Publicada em 01/04/2015
    > Série Arquivos Pessoais: Jorge de Lima - essência | Publicada em 01/04/2015
    > III Seminário de História do Direito e das Instituições Políticas | Publicada em 31/03/2015
    > Depois de junho: movimentos, impasses e novas instituições | Publicada em 30/03/2015
    > Memória & Informação | Publicada em 09/03/2015
    > Conferência A dialética de Yang-Mills-Shaw e os neutrinos sociais | Publicada em 06/03/2015
  • informe
  • |
  • perguntas frequentes
  • |
  • termos de uso
  • |
  • mapa do site
  • |
  • sobre o site
  • |
  • contato
  • |