Procurar  
  • principal
  • > notícias
  • Assessoria de Comunicação >>

    receba o informe quinzenal por e-mail >>

    eventos: programação da Fundação >>

    serviços oferecidos pela Fundação >>

    como chegar à Fundação >>

    Memória & Informação


    Clique na foto para ampliar

    No dia 26/09, às 14h30, a série quinzenal “Memória & Informação” promove a palestra “As encadernações da coleção de obras raras e especiais da Casa de Oswaldo Cruz: um estudo para sua preservação” que será ministrada por Ana Roberta Tartaglia da Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz. Entrada franca.

     
    :: Ementa
    A coleção de obras raras e especiais engloba títulos do século XVII ao XX, e formam um conjunto precioso para a Casa de Oswaldo Cruz. O estudo realizado teve como finalidade identificar e valorizar as encadernações desta coleção, fornecendo informações sobre estilos e estruturas de produção – sobretudo aquelas executadas de maneira artesanal, porém, sem perder a dimensão da transição para o modelo industrial de produção. Visa, ainda, através dos produtos propostos, auxiliar a tomada de decisões em preservação, para que vestígios do tempo e do fazer da atividade de encadernação não sejam negligenciados. Também tem intenção oferecer elementos para futuras pesquisas no campo da encadernação - e da preservação do livro como objeto, contribuindo para o conhecimento global dos acervos preciosos da COC.
     
    :: Sobre a palestrante
    Conservadora-restauradora da Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz. Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Preservação e Gestão do Patrimônio Cultural das Ciências e da Saúde, PPGPAT/Fiocruz. Atua em encadernação desde 1998. Bolsista da Fundação Casa de Rui Barbosa entre 2009-2013. Integrou a equipe do Museu das Telecomunicações, atuando em conservação de acervos sobre papel e, na coordenação das atividades da reserva técnica. Desde julho de 2015, integra o Serviço de Conservação e Restauração de Documentos (DAD/COC/Fiocruz). Participou de projetos de conservação de acervos documentais, fotográficos e bibliográficos, em instituições como a Funarte e a Biblioteca Nacional. 
     
    Imprimir
    Voltar ao alto


    Veja também
    > Espectadores y lectores frente a las pantallas: políticas para escenas emergentes | Publicada em 14/04/2015
    > abril | Publicada em 08/04/2015
    > História e Culturas Urbanas | Publicada em 08/04/2015
    > Memória & Informação | Publicada em 08/04/2015
    > AMLB recebe acervo de Sebastião Uchôa | Publicada em 07/04/2015
    > Música no Museu | Publicada em 01/04/2015
    > Série Arquivos Pessoais: Jorge de Lima - essência | Publicada em 01/04/2015
    > III Seminário de História do Direito e das Instituições Políticas | Publicada em 31/03/2015
    > Depois de junho: movimentos, impasses e novas instituições | Publicada em 30/03/2015
    > Memória & Informação | Publicada em 09/03/2015
    > Conferência A dialética de Yang-Mills-Shaw e os neutrinos sociais | Publicada em 06/03/2015
  • informe
  • |
  • perguntas frequentes
  • |
  • termos de uso
  • |
  • mapa do site
  • |
  • sobre o site
  • |
  • contato
  • |