Fundação Casa de Rui Barbosa
 
  Procurar  
  • principal
  • > conhecimento em C & T
  • > acervos & preservação
  • eventos: programação da Fundação >>

    receba por e-mail o informe quinzenal >>

    como chegar à Fundação >>

    notícias >>

    atividades desenvolvidas pelo Museu >>

    acervos museológicos

    Os projetos relacionados à divulgação de acervos museológicos, desenvolvidos no Museu, são os seguintes:

    2009 a 20011

    :: Otimização da base de dados do Museu Casa de Rui Barbosa


    2008 a 2010

    :: Plano de manejo para o acervo museológico do Museu Casa de Rui Barbosa

    Bolsista: Flávia Alessandra da Silva Figueiredo

    Coordenadora: Jurema Seckler

    O presente projeto constitui o segundo módulo do plano de manejo para o acervo museológico do Museu Casa de Rui Barbosa. Trata-se de um projeto de pesquisa aplicada que teve como primeiro módulo o estudo do acervo de indumentária e agora, em continuação, o de mobiliário. Pretende-se com este estudo o gerenciamento eficaz das ações de conservação preventiva dos acervos museológicos, integrado ao de outros acervos da casa, e a capacitação e atualização de profissionais internos e externos na área de conservação preventiva de um museu-casa. Veja versão detalhada do projeto.


    ::
    Leitura museológica da correspondência de Rui Barbosa

    Bolsista: Rita Gama Silva

    Coordenadora: Cláudia Reis

    Leitura sistemática das fontes primárias (documentos, iconografia e correspondência) que estão no Arquivo Histórico da Fundação Casa de Rui Barbosa para subsidiar o aprofundamento do conhecimento sobre o museu-casa – documento arquitetônico, e sobre o acervo museológico. O material relevante será incorporado e o fichamento possibilitará e facilitará estudos futuros. Veja versão detalhada do projeto.


    ::
    Dinamização e aprimoramento da relação museu-escola

    Bolsistas: Jana Martins Leal, Maíra de Oliveira Dias, Victor Rodrigues Kling, Paulo Vinícius Figueiredo dos Santos

    Coordenadora: Aparecida Marina Rangel

    Desenvolvimento de atividades para o escolar: oficinas de ambientação; estudo e análise de textos; planejamento das visitas; contato com as escolas; atendimento escolar; realização de oficinas de treinamento e atendimento propriamente ditos; reuniões de avaliação. Veja versão detalhada do projeto.



    2006 a 2008

    :: Levantamento historiográfico das atividades educativas do Museu Casa de Rui Barbosa e (re)estruturação da área educativa

    Bolsista: Maria Beatriz Gonçalves L. de Albernaz (bolsa de desenvolvimento tecnológico)

    Coordenadora: Aparecida Rangel

    O Museu Casa de Rui Barbosa possui um lastro no desenvolvimento de ações educativas, com destaque no cenário museológico nas décadas de 70 e 80, do século XX. Sabemos, contudo, que um dos grandes desafios dos museus contemporâneos consiste no estabelecimento de novas relações com os públicos, bem como a possibilidade de garantir a estes, ampla acessibilidade, promovendo a qualidade da experiência museal. E, é com este sentido que uma área educativa bem estruturada, com profissionais especializados e projetos voltados para a prática da cidadania, pautados na (re)valorização do patrimônio cultural, faz-se primordial dentro de uma instituição comprometida com a inclusão sociocultural.

    Para que, dentro de uma instituição museológica, esta experiência seja bem sucedida é necessário perceber a ação educativa como uma oportunidade de transformação pedagógica e vivencial, sendo necessário, ainda, que exista um projeto educativo de qualidade com embasamento teórico, fundamentado numa prática atuante e avaliação constante. Entendemos como projeto educativo todas as ações voltadas para o diálogo com os públicos construídas para o interesse comum.

    Desta forma, a (re)estruturação da área educativa do Museu Casa de Rui Barbosa, a partir de um projeto consistente que contemple as diversas leituras possíveis que o Museu pode oferecer trará visibilidade e reconhecimento ao trabalho que já vem sendo desenvolvido.

     

    :: Elaboração de Plano Educacional para o Museu Casa de Rui Barbosa

    Bolsista: Maria Cristina Monteiro Pereira de Carvalho (bolsa de doutorado)

    Coordenadora: Ana Pessoa, Aparecida Rangel

    Pretende-se elaborar um plano educacional para as atividades da FCRB voltadas para o público juvenil e infantil. Esse plano deverá nortear a missão de um núcleo educativo que oriente as atividades do museu e da BIMM, levando em consideração a natureza da instituição, seu interesse na divulgação do patrimônio histórico e no incentivo à leitura, a interação com o sistema educacional público e privado, as demandas de lazer cultural da comunidade, bem como interação com agentes em atuação em outros museus e bibliotecas. Deverão ser previstos mecanismos de crítica e avaliação sistemáticas das atividades. O processo de construção do plano deverá ser documentado de modo a permitir seu aproveitamento por outras instituições públicas. Como resultado espera-se estruturar um núcleo educativo, definindo sua missão e sua política de atuação. Dentre os impactos esperados, podemos destacar a otimização das atividades, maior eficácia no atendimento ao público, maior segurança na elaboração de projetos e a integração das atividades educativas do Museu com a Biblioteca Infanto-juvenil Maria Mazzetti.

     

    :: Plano de Desenvolvimento Institucional do Museu Casa de Rui Barbosa

    Bolsista: Telma Lasmar Gonçalves

    Coordenadores: Mauricio Siqueira, Jurema Seckler

    O projeto tem como objetivo a formulação de um Plano de Desenvolvimento Institucional para o Museu Casa de Rui Barbosa, que estabeleça os propósitos de sua missão dentro da FCRB, considerando a Política Nacional de Museus do Ministério da Cultura e sua inserção no Sistema Nacional de Museus. Servirá, portanto, para manter o Museu Casa de Rui Barbosa como referência nacional nessa tipologia de museu. Serão utilizadas ferramentas de planejamento e gestão museológica com base em experiências de instituições congêneres.

     Mais especificamente pretende-se:

    1. Dotar o museu de uma base conceitual que o possibilite planejar e tomar decisões para o presente e para o futuro.
    2. Criar uma infraestrutura que possibilite oferecer serviços de alta qualidade que permitam o acesso mais amplo possível aos seus acervos.
    3. Criar maior eficiência na execução das diversas responsabilidades técnicas ligadas à salvaguarda e comunicação dos acervos e à eficácia das atividades administrativas.
    4. Ajudar a garantir a proteção dos acervos a longo prazo, para as novas gerações.
    5. Promover a integração harmônica entre as diversas responsabilidades do museu e entre o museu e os diversos setores da FCRB.
    6. Possibilitar à equipe do museu um melhor desempenho, com definições claras de atribuições.
    7. Responder de maneira eficiente às demandas no relacionamento externo: com o público visitante, com a comunidade e com outras instituições.

     

    Imprimir
    Voltar ao alto


    Veja também
    > conhecimento em Ciência e Tecnologia

  • informe
  • |
  • perguntas frequentes
  • |
  • termos de uso
  • |
  • mapa do site
  • |
  • sobre o site
  • |
  • contato
  • |